Porque é mais fácil opinar sobre o problema dos outros

Você já deve ter passado por alguns apuros na vida.

Problemas sérios, onde não conseguia ver solução, por mais que desejasse?

Nessas horas vários questionamentos surgem.

Você se sente injustiçado, afinal é uma boa pessoa, bem intencionada, qual o motivo dos problemas ocorrerem?

Um detalhe importante é que quando estamos “dentro” de um problema, imersos nele, não conseguimos pensar.

Talvez você conheça alguém que não é muito organizado, mas consegue dar conselhos sobre organização que funcionam.

Ou quem não saiba cuidar das finanças, mas tem o conhecimento e a didática para falar o que o outro precisa fazer para estar com a vida financeira equilibrada.

Ou o ansioso que é um bom conselheiro, quase um terapeuta.

Estranho não? Talvez até incongruente. O que ocorre é que essas pessoas estão fora do problema.

Quando o problema não é seu, é bem mais fácil analisar e dar opiniões, pois não há estado emocional envolvido.

Quando se está vivenciando uma situação desafiadora, é natural que o seu sistema límbico, responsável pelas reações emocionais esteja dominante.

Mas afinal, como mudar isso?

“Enganando” positivamente a sua mente.

Pense comigo, é bem mais fácil opinar sobre o problema do outro, certo?
É mais tranquilo sugerir soluções para o que não estamos diretamente envolvidos, concorda?

O que você precisa fazer é desligar o envolvimento emocional da situação.

Como? Mudando a PERSPECTIVA, alterando o ponto de vista.

Digamos que você esteja em um dilema existencial.

Se você fosse um terapeuta especialista em dilemas contratado por você mesmo, o que falaria para você?

Você está com um problema financeiro. Se fosse um especialista em finanças pessoais contratado, o que diria sobre essa situação?

O exercício consiste em você sair do seu “eu”, e experienciar a perspectiva de um terceiro.

Aí sim, você analisa, sem o envolvimento emocional e faz o diagnóstico necessário.

Sabe quando você vai procurar um lugar no Google Maps e aproxima a imagem?

Se a imagem está fechada você não consegue ver o que está no entorno, certo?

Na nossa vida e nos nossos problemas, acontece o mesmo.

É necessário que consigamos “nos afastar” para ver de forma mais ampla as possibilidades de soluções.

Quanto mais você se afasta, maior a visão do todo e das possíveis soluções.

Você pode inclusive aumentar essa experiência, trazendo um olhar ainda mais afastado.

O terapeuta especialista em dilemas não era tão bom assim, e precisou pedir ajuda a seu terapeuta mentor, que é outro olhar ainda mais amplo.

O que o terapeuta mentor aconselharia ao terapeuta de dilemas a lhe aconselhar?

O que o professor de finanças do especialista em finanças diria a ele sobre o seu caso específico?

Parece doido, não? Mas funciona.

Quando você deixa de ser você, mesmo que mentalmente, para assumir outras posições, ativa o neocortex, área responsável pelo seu pensamento lógico e racional…

…e desliga o seu sistema límbico, que conforme citado antes, as emoções que te fazem reagir sem pensar.

A tendência é que você tenha melhores interpretações, e suas tomadas de decisão sejam mais assertivas.

Faz sentido?

Experimenta sair do seu “eu” e usar a lógica, o raciocínio quanto estiver imerso em um problema. Você pode se tornar seu próprio mentor.

Um forte abraço.

Links Recomendados
Conheça esta Técnica Metafísica
Esta Técnica Metafísica permite que você manifeste riqueza e abundância em sua vida em 24 horas.

Sim isso é possível, graças a uma técnica chamada Órbita Energética, desenvolvida em laboratório pelos maiores especialistas da área, fazendo com que você esteja preparado para manifestar dinheiro, casa, carro, ou que desejar sem esforço algum.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

5 1 vote
Dê uma nota para este artigo
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários

Artigos recentes

Veja as publicações dos nossos especialistas